Quem sou eu

Rafael Mota Reis (Fortaleza, 16 de janeiro de 1990) é advogado, Presidente da Comissão de Ética na Política e Combate à Corrupção Eleitoral da OAB-CE, e mestrando em Ciência Política pela Universidade de Lisboa. Seus pais, Abner Ferreira dos Reis Filho e Airles Maria Cavalcante Mota, são contabilistas da área pública. Por isso, desde cedo, Rafael teve intenso contato com a política cearense de bastidores.

Aluno no Colégio Geo Studio (2002), em Juazeiro do Norte, Rafael encabeçou uma das chapas representativas estudantis. Com uma campanha inovadora, aproveitando-se dos recursos de marketing político e o dom da oratória, saiu vencedor com ampla maioria dos votos. Foi agraciado, ainda, com uma homenagem e honraria ao mérito pelo corpo diretor da instituição, em reconhecimento à trajetória estudantil realizada com notório sucesso.

Em 2004, ingressou no Colégio Batista Santos Dumont, uma instituição educacional religiosa de Fortaleza. No ano seguinte, foi convidado para compor o quadro da Turma Avançada, onde permaneceu até concluir os estudos do Ensino Médio. Ao fim da trajetória no Colégio Batista, prestou o Exame Nacional do Ensino Médio, à época não utilizado como critério de admissão nas universidades públicas. Obteve êxito em mais de 93% das questões aplicadas no exame.

Em 2008, foi aprovado no vestibular para o curso de Direito da Universidade Regional do Cariri, em Crato/CE, obtendo a nota máxima no Exame de Redação. Apenas outro candidato ao Curso de Direito conseguiu atingir tal marca. Rafael ficou classificado em 4º lugar.

Engajado na política cearense nas eleições municipais de 2008, fez campanha política em cidades da Região dos Inhamuns e do Cariri, apoiando candidatos com propostas voltadas à juventude e aos estudantes. Na política estudantil, fez parte das articulações políticas para compor a chapa representativa da UMETA e do Grêmio Estudantil do Liceu (Tauá).

Formou-se no curso de Direito em julho de 2012, concluindo sua graduação em apenas 4 anos e 2 meses. Logo após, engajou-se em campanhas políticas para as Eleições Municipais, apoiando candidatos com perfis modernos e arrojados na Região do Cariri e dos Inhamuns, com propostas especialmente voltadas para a educação e a juventude.

Em seguida, prestou o IX Exame de Ordem da OAB, considerado o mais difícil dos últimos anos, com uma reprovação recorde de 89,7% dos candidatos. Rafael obteve uma aprovação de 94% em sua Peça Profissional na Segunda Fase do Exame, atendendo a todos os requisitos pontuadores exigidos pela Banca Examinadora da FGV (Fundação Getúlio Vargas).

Em 2013, sob a proposta de fortalecer a União dos Vereadores e Câmaras do Ceará – UVC -, participou das eleições para novo quadro diretor da entidade (biênio 2013-2014). Ao lado da chapa vencedora, intitulada “A UVC é do Vereador”, obteve massiva aprovação nas urnas, que superava a soma dos votos dos adversários, totalizando uma votação histórica para a entidade. Em seguida, foi convidado para a missão de reestruturar e assumir a representação jurídica da UVC.

Atualmente, exerce o cargo de Presidente da Comissão de Ètica na Política e Combate à Corrupção Eleitoral, da Ordem dos Advogados do Brasil – Ceará, cujo papel se traduz no acompanhamento do sistema político brasileiro e suas instituições, objetivando a defesa da ética e o enfrentamento às práticas nocivas ao bem-estar da democracia.

Em sua atuação profissional como advogado, labora com foco voltado para solução de conflitos, contendas cíveis e consultoria em matérias administrativas e legislativas. Com pouco mais de dois anos de exercício da advocacia, já representa em mais de 500 processos no Estado do Ceará, Piauí, Paraíba e Distrito Federal.

www.rafaelmotareis.com

%d blogueiros gostam disto: