OAB inaugura Subsecção Inhamuns

Inauguração da Subsecção InhamunsSob o céu carregado de nuvens, em prenúncio de chuvas, o sonho da advocacia dos Inhamuns se torna realidade. Na noite desta sexta-feira, 22 de março, foi empossada a diretoria da Subseção da OAB na região e inaugurada sua sede própria, em Tauá. Prestigiada por advogados, autoridades locais e políticos, a solenidade foi marcada pela certeza de quando há vontade, determinação e seriedade ações concretas acontecem.

Era visível a emoção dos dirigentes locais da Ordem dos Advogados dos Brasil e a gratidão dos profissionais que militam na região à diretoria da Secional. Aplaudido por mais de 300 convidados, o presidente reeleito da OAB-CE, Valdetário Andrade Monteiro, empossou o dirigente da Subseção, Agildo Pereira Nogueira, e conduziu a cerimônia de inauguração da sede. O novo presidente da entidade deu posse as diretoras Adalgisa Maria Veloso Soares (secretária geral) e Minelvina Francisco Costa (secretária geral adjunta).

A Subseção dos Inhamuns foi criada em março do ano passado e engloba os municípios de Aiuaba, Arneiroz, Catarina, Quiterianópolis, Parambu e Tauá. A densidade populacional é de mais de 150 mil habitantes com uma área de 11.692.761 km2. O equipamento, cuja construção foi iniciada na gestão passada e concluída na atual, conta com auditório, secretaria, administração, presidência, recepção e biblioteca.

SOLENIDADE

A nova diretoria da OAB Inhamuns tem a missão de conduzir os seus primeiros passos, tarefa de grande responsabilidade, conforme lembrou Valdetário Monteiro, e confirmada por Agildo Nogueira. Em seu discurso de posse, Agildo mostrou-se confiante de que a entidade vai congregar os profissionais militantes da região e prometeu continuar a luta “constante e árdua” em defesa das prerrogativas e direitos do advogado.

“Aqui plantaremos a semente da união da classe e a das mais modernas tecnologias que sirvam para nos atualizar profissionalmente sob todos os aspectos e que nos preparem para o dia a dia do exercício profissional” Agildo Nogueira.

A promessa foi feita pelo presidente empossado para a seleta platéia, formada pelos diretores da OAB-CE, além de Valdetário, Ricardo Bacelar (vice-presidente), Jardson Cruz (secretário geral), Marcelo Mota (tesoureiro e relator da proposta de criação da Subseção), bem como pelo conselheiro Leonardo Araújo (autor da proposta de criação), Renan Viana (tesoureiro da CAACE), Júlio César Costa Rego (prefeito em exercício de Tauá), desembargador Francisco Bezerra Cavalcante, Regina Macarino (ex-presidente da Subseção Inhamuns) e da educadora Maria Inês Andrade Monteiro (mãe do presidente da Secional Ceará da Ordem).

Também estiveram presentes os conselheiros estaduais Marcel Feitosa, Cícero Quezado, Ademar Mendes Bezerra Junior, Davi Bezerra, João de Deus e Sormane Freitas. Os presidentes das Subseções de Aracati, Crato e Crateús, respectivamente, Teobaldo de Sousa, Aderson Feitosa e Ismael Feitosa prestigiaram o evento, bem como o prefeito de Trairi, Francisco José Noronha e centenas de advogados e advogadas que militam em todo o Ceará.

ÁGUA DA DEMOCRACIA

A emoção marcou a cerimônia. Valdetário Monteiro lembrou suas origens na região e afirmou que a Subseção é uma pequena nascente, no solo fértil, assegurando a água da democracia. Ele reafirmou a capilaridade da OAB-CE no Interior, uma vez que na gestão anterior inaugurou cinco Subseções (Aracati, Quixadá, Crateús, Serra da Ibiapana e Região Metropolitana) e em três meses da atual administração, está entregando a dos Inhamuns.

“A inauguração da Subseção dos Inhamuns é a felicidade de um menino de Arneiroz que distribui um pouco mais de esperança através da OAB, uma entidade de luta que não abre mão de Justiça para o cidadão” Valdetário Andrade.

Agildo Nogueira também se emocionou. Por duas vezes, interrompeu o discurso de posse para conter as lágrimas que teimavam em cair. Com a voz embargada, o advogado Rodrigo Feitosa agradeceu a homenagem ao seu pai, o também advogado Manoel Ney Feitoza, que deu nome ao prédio da Subseção.

O jovem Antonio Eliezer Gonçalves Cavalcante Junior ressaltou a importância “de um Direito humanizado, com profissionais acreditando nessa possibilidade”, ao também agradecer por seu pai, o advogado Antonio Eliezer Gonçalves Cavalcante, dar nome a Subseção dos Inhamuns.

Autor da proposta de criação da Subseção, o conselheiro estadual Leonardo Araújo, falou da alegria da realização do sonho de garantir ao cidadão um espaço na busca por justiça social. “A Justiça é o sentimento que deve ser buscado e atingido por todos”, afirmou. No discurso, enfatizou o trabalho profícuo da diretoria da OAB-CE na defesa das prerrogativas e profissionais e apoio os advogados e advogados do Ceará, em especial do Interior do Estado.

FONTE: Ordem dos Advogados do Brasil - CE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s